PDT encaminha novo comando à Justiça Eleitoral e confirma Flávio Torres como novo presidente no CE

Por Inácio Aguiar, inacio.aguiar@svm.com.br

Comissão provisória terá desafio de pacificar o partido e preparar a sucessão do prefeito José Sarto

Legenda: O ex-senador substitui Cid Gomes no comando estadual do partido. Foto: Thiago Gadelha

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) no Ceará deu entrada na Justiça Eleitoral na nova comissão provisória que vai comandar a legenda no Estado. O novo presidente é o ex-senador Flávio Torres, a vice-presidente será Cristina Brasil e o tesoureiro é o vereador de Fortaleza, Iraguassú Teixeira Filho. 

O parlamentar, líder do governo José Sarto na Câmara Municipal, informou a coluna do Inácio Aguiar, que a nova composição do comando estadual da legenda foi encaminhada ao sistema do Tribunal Regional Eleitoral nesta quinta-feira (4). 

Desde a eleição 2022, o PDT passava por uma crise interna que dividiu os grupos políticos e os irmãos Cid e Ciro Gomes. Cid, inclusive, está sendo especulado em filiação ao PSB no início do próximo mês.

Após confirmada a saída dele, um grupo de cerca de 40 prefeitos também deve se desfiliar da Legenda. Na justiça, um grupo de deputados estaduais também pede desfiliação do partido. 

A nova composição do diretório terá como desafio reestruturar o partido no Interior para a eleição e preparar a sucessão do prefeito José Sarto, que pode ser o candidato à reeleição.

Opinião/Diário do Nordeste

Post a Comment

Aviso aos internautas:
Quando você comenta como anônimo, sua opinião não tem nenhum valor e não será publicada. Portanto pedimos aos nossos leitores que ao fazer comentários se identifiquem.
A sua opinião é muito importante para nós.

Postagem Anterior Próxima Postagem