Sarto assina ordem de serviço do Terminal Aberto José de Alencar, quarto da gestão

Este será o segundo Terminal Aberto no Centro de Fortaleza, ampliando a revitalização do transporte e do comércio da região

Como frisou Sarto, o equipamento não apenas irá melhorar a mobilidade urbana, como também revitalizará o comércio e cultura da região

O prefeito José Sarto assinou, nesta quarta-feira (26/04), a ordem de serviço para o início da construção do Terminal José de Alencar, no Centro. O equipamento, que deve ser o maior Terminal Aberto de Fortaleza, será construído no terreno onde funcionava o antigo Beco da Poeira, entre as ruas Guilherme Rocha e Liberato Barroso, ao lado da estação de metrô, permitindo a integração dos modais e proporcionando mais conforto, comodidade e rapidez para quem utiliza o transporte público na Capital.

Veja aqui a apresentação do novo terminal

Como frisou Sarto, o equipamento não apenas irá melhorar a mobilidade urbana, como também revitalizará o comércio e cultura da região. “Com o novo terminal, poderemos ter uma ampliação da circulação de linhas e de passageiros aqui no Centro. O prazo é de 12 meses e, no ano que vem, iremos entregar um equipamento que não é só de transporte público, mas que também vai dinamizar a economia, reintegrando o comércio do Centro, e revitalizar a cultura, pois dará acesso a equipamentos como Theatro José de Alencar, Estação das Artes e Teatro São José”, defendeu.

Assis Cavalcante, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza, também destacou os impactos econômicos que serão proporcionados pelo novo terminal. “Com a vontade política do prefeito Sarto, esses projetos muito aguardados podem acontecer. Com esse novo terminal, diversos empregos podem ser gerados somente no corredor entre a Praça do Ferreira e a Praça do Theatro José de Alencar. Tenho certeza de que, quando o equipamento for entregue, diversas lojas irão reabrir, teremos geração de emprego e renda e a disputa por novos pontos comerciais irá aumentar”.

O projeto prevê a construção de três plataformas de embarque e desembarque com mais de 2 mil metros quadrados de área, com coberturas metálicas já dimensionadas para possibilitar a instalação futura de painéis solares. No local serão construídas passagens elevadas para pedestres e fixados gradis entre as plataformas, para dar mais segurança, além de delimitar e resguardar o tráfego de pedestres.

A ideia é que o espaço concentre as linhas de ônibus em um único local, a exemplo dos outros terminais abertos, evitando que os passageiros realizem grandes deslocamentos pelas vias do Centro, além de suprir a demanda do antigo terminal aberto de ônibus da Praça da Estação.

“Esta é uma obra super importante, pois, com ela, o prefeito Sarto terá entregue todos os quatro terminais prometidos no seu Plano de Governo. Ele vem para substituir o antigo Terminal da Praça da Estação, que foi transformado em na praça da Estação das Artes pelo Governo do Estado, então estamos resolvendo uma lacuna do transporte público no Centro de Fortaleza. Além do terminal, também iremos fazer uma requalificação completa na rua 24 de Maio, com drenagem, piso e acessibilidade”, informou Samuel Dias, titular da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf).

O interior do novo equipamento terá pavimento rígido em concreto para resistir ao intenso fluxo de ônibus e garantir maior durabilidade da pista. Com investimento de R$ 12,1 milhões, o terminal contará, ainda, com pontos de autoatendimento do Bilhete Único, banheiros, sala de apoio para motoristas, refeitório e paisagismo. As obras devem ter duração de 12 meses.

Além das obras de construção do novo terminal, o projeto também prevê a urbanização das ruas 24 de Maio, entre as ruas Guilherme Rocha e Castro e Silva. A via receberá nova pavimentação em piso intertravado, novas calçadas padronizadas, mobiliários urbanos, itens de acessibilidade como rampas, passagem elevada e piso tátil, totalizando cerca de 340 metros de intervenções.

Com esta iniciativa, o prefeito José Sarto cumpre mais uma etapa do seu Plano de Governo que previa a construção de quatro novos terminais em Fortaleza, com o objetivo de integrar diferentes pontos de nossa cidade. Somente nesta gestão, já foram entregues os terminais da avenida Washington Soares, José Walter e da Praça Sagrado Coração de Jesus.

Participaram a assinatura da ordem de serviço o deputado estadual Cláudio Pinho e os vereadores Nega do Henrique Jorge, Michel Lins, Kátia Rodrigues, Wander Alencar, Josival Clube, Heitor Holanda, Veríssimo Freitas, Juninho Aquino, Moura Taxista, PP Cell, Fábio Rubens e Cônsul do Povo.

Operação de transporte

O Centro apresenta um intenso fluxo de pessoas diariamente, por isso, é um grande polo gerador de demanda para soluções de mobilidade. Atualmente, em toda a região circulam cerca de 117 linhas de ônibus, beneficiando 290 mil passageiros. Nesse cenário, o terminal José de Alencar surge como uma alternativa viável, pois dará a opção ao passageiro de encontrar em um único espaço linhas de ônibus com origem e destino para diversos bairros de Fortaleza.

“Com esse novo equipamento, poderemos trazer maior conforto e eficiência para o transporte dos mais de 290 mil usuários diários do transporte público no Centro de Fortaleza. Teremos também uma integração de modais, com acessos ao MetroFor e à bicicletas”, comentou David Cavalcante, presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor).

Futuramente, será feita a definição de quais linhas de ônibus devem operar no novo terminal aberto José de Alencar será realizada pela Etufor, a partir de estudo do itinerário das linhas já existentes, bem como da capacidade do equipamento. Além de adotar como prioridade às linhas que já integravam na Praça da Estação, há a expectativa de que linhas de bairros que façam conexão com o Centro, como Bom Jardim, José Walter, Planalto Ayrton Senna e outros, também possam realizar a integração no terminal, bem como aquelas com destino ao terminal do Papicu.

Post a Comment

Aviso aos internautas:
Quando você comenta como anônimo, sua opinião não tem nenhum valor e não será publicada. Portanto pedimos aos nossos leitores que ao fazer comentários se identifiquem.
A sua opinião é muito importante para nós.

Postagem Anterior Próxima Postagem