Presidente assinou a demarcação de seis terras indígenas

Segundo governo, demarcações estavam paralisadas no país desde 2018. Lula e ministra Sônia Guajajara assinaram homologação em cerimônia com indígenas em Brasília, nesta sexta.

Por Guilherme Mazui, g1 — Brasília

Os decretos foram oficializados em cerimônia no Acampamento Terra Livre, evento com indígenas de todo o país na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Há expectativa de que Lula e ministros visitem o acampamento.

"Hoje tenho a alegria de assinar a homologação de seis territórios indígenas. A luta por demarcação dos povos indígenas é uma luta por respeito, direitos e proteção da nossa natureza e país. Estamos avançando", escreveu Lula em uma rede social.

Serão oficializadas as seguintes terras indígenas:

  • Arara do Rio Amônia (AC), do povo Arara
  • Kariri-Xocó (AL), do povo Kariri-Xocó
  • Rio dos Índios (RS), do povo Kaingang
  • Tremembé da Barra do Mundaú (CE), do povo Tremembé
  • Avá-Canoeiro (GO), do povo Avá-Canoeiro
  • Uneiuxi (AM), do povo Maku Nadëb

Terras indígenas demarcadas nesta sexta pelo governo Lula — Foto 👆: Arte/g1

Segundo o governo, as primeiras demarcações do terceiro mandato de Lula encerram um período de cinco anos sem homologações.

A homologação da demarcação, feita por decreto assinado pelo presidente da República, é o último ato antes do registro formal da terra indígena.

Conforme o governo, desde 2018, ainda na gestão de Michel Temer, que não são feitas demarcações no Brasil. O ex-presidente Jair Bolsonaro destacava em discursos que não demarcou terras indígenas.

O governo também anunciou a assinatura dos decretos de instituição do Comitê Gestor da Política Nacional de Gestão Territorial e Ambiental em Terras Indígenas (PNGATI) e a recriação do Conselho Nacional de Política Indigenista (CNPI), além de R$ 12,3 milhões para compra de insumos, ferramentas e equipamentos para casas de farinha de comunidades Yanomami.
Ministra dos Povos Indígenas diz que vai priorizar a demarcação das terras indígenas

Reportagem: Ministra dos Povos Indígenas diz que vai priorizar a demarcação das terras indígenas

Post a Comment

Aviso aos internautas:
Quando você comenta como anônimo, sua opinião não tem nenhum valor e não será publicada. Portanto pedimos aos nossos leitores que ao fazer comentários se identifiquem.
A sua opinião é muito importante para nós.

Postagem Anterior Próxima Postagem