Lula mobiliza comunicadores na reta final: “vamos falar com o coração”

O ex-presidente Luiz Inácio Lula Silva (PT) se reuniu nesta terça-feira (13), em um encontro virtual, com cerca de 6.300 comunicadores de todo o Brasil que estão engajados em sua eleição para presidente e pediu: “Transmitam muita solidariedade e fraternidade nas mensagens de vocês”..

A esses profissionais, Lula pediu empenho nessa reta final da campanha e defendeu que as ruas e as redes sejam inundadas com mensagens de solidariedade e esperança.

“Nós temos uma vantagem em relação aos robôs deles. Nós não somos algoritmos, nós somos seres humanos e não queremos perder nossos sentimentos. Temos de colocar nas nossas mensagens aquilo que mais toca o ser humano, que é o coração. Por isso que falar de amor, de esperança, de futuro é tão importante”, disse Lula.

O ex-presidente defendeu uma “comunicação mais leve”. “Vamos falar diretamente à mulher, diretamente ao homem, falar dos problemas que eles estão sofrendo. Neste instante, nossa candidatura representa a esperança”, acrescentou.

Vídeo 1

 

Chegada da primavera

Na avaliação de Lula, setembro, que marca o início da primavera, é perfeito para nos lembrarmos de que os poderosos podem tentar matar uma, duas ou três rosas, mas não conseguirão deter a chegada da primavera. 

“No dia 22, começa a primavera, e 10 dias depois terá a eleição. E o povo brasileiro vai se dirigir à urna para digitar seu voto com muita esperança, com muito amor, muita paz, muita leveza espiritual para que a gente possa mostrar que nós temos que reconstruir, não apenas a economia do país, o processo de industrialização, a geração de emprego, mas reconstruir o modo gostoso de viver, o modo da família viver em paz, com esperança, em harmonia”, avaliou. 

Vídeo 2

 

Congresso, campanhas estaduais e primeiro turno

Lula ressaltou a importância de motivar as pessoas a irem votar e sempre comunicar o quanto é importante eleger também deputadas e deputados, senadoras e senadores alinhados com as propostas de sua campanha. E pediu empenho também para as campanhas nos estados.

É importante não nos esquecermos de falar nos nossos candidatos nos estados. Nós temos a perspectiva de eleger o presidente da República e eleger junto o governador de São Paulo, de Minas Gerais, do Rio de Janeiro, de nove estados do Nordeste e outras regiões. Não é pouca coisa o que pode acontecer nessas eleições”, destacou.

Para Lula, que lidera todas as pesquisas de intenções de voto, não é soberba se empenhar para uma vitória já no primeiro turno. “É preciso acreditarmos que é possível a gente vencer as eleições no primeiro turno. Tem gente que tem vergonha, ‘ah, não vamos falar em ganhar no primeiro turno porque parece soberba’. Mas, se tem candidato com 1% acreditando que vai ganhar, eu que tenho 46% tenho de acreditar que é possível, nesses próximos 20 dias, conquistar os votos que faltam. Sem desprezo a ninguém.” 

O evento foi organizado em parceria com todos os partidos que formam a coligação que apoia a chapa Lula-Alckmin (PT, PSB, PCdoB, PV, Psol, Rede, Solidariedade, PROS, Avante e Agir).

Os mais de 6.300 comunicadores presentes atuam não só nessas 10 legendas como também fazem parte de movimentos sociais, organizações da sociedade civil, sindicatos e rádios comunitárias, entre outras entidades.

(*Com informações do site de Lula)

Post a Comment

Aviso aos internautas:
Quando você comenta como anônimo, sua opinião não tem nenhum valor e não será publicada. Portanto pedimos aos nossos leitores que ao fazer comentários se identifiquem.
A sua opinião é muito importante para nós.

Postagem Anterior Próxima Postagem